Cuidados com o minhocário durante as chuvas

Captura de tela 2010-11-02 às 13.12.36As chuvas são muito necessárias sempre. Isso não pode ser negado. Mas quando não sabemos lidar com elas, surgem diversos problemas.

Com o minhocário não é diferente. Pode até parecer inofensivo o excesso de umidade na composteira, mas logo é possível perceber uma grande fuga de minhocas e um cheiro desagradável. As minhocas precisam de ar tanto quando nós. Se o composto estiver muito úmido, é como se fosse uma lama e elas não conseguem respirar. Além disso, o excesso de água atrapalha a compostagem e provoca o apodrecimento mesmo dos alimentos, deixando um cheiro característico.

Assim, nessa época, observe o local onde o seu minhocário está para que ele não receba muita água. Se não tiver um local coberto, providencie uma lona a ser colocada sobre as caixas, mas sem impedir a passagem de ar. O ideal é fazer uma tenda sobre ela, com espaço entre a tampa e a lona.

Caso a umidade já esteja excessiva, aumente a quantidade de serragem ou folhas totalmente secas e pare de colocar resíduos por um tempo. Se possível, deixe a caixa aberta quanto o tempo estiver quente (mas sem sol direto). Essas medidas ajudam a recuperar o composto mesmo muito úmido.

Por último, é preciso paciência. Estamos com um excesso de frio este ano, o que reduz a velocidade com que as minhocas fazem seu trabalho. O jeito é fazer a nossa parte e cuidar para que o ambiente das caixas esteja o melhor possível.

About The Author

Elaine Maria Costa

Elaine Maria Costa é administradora, coach e permacultora, faz compostagem doméstica desde 2009. Em 2013 mudou-se de uma área urbana para morar numa chácara em Embu das Artes – SP com o objetivo de ter maior qualidade de vida, contato com a natureza e sustentabilidade pessoal.

  • Spot on with this write-up, I really believe this web site needs far more attention. I’ll probably be back again to read through more, thanks for the info!